Dia de Ler sobre Tolkien.

Dia 25 de março, é comemorada a queda de Barad-dûr, marco final da Guerra do Anel e da tirania de Sauron sobre os povos livres da Terra média. Por isso, a Tolkien Society nomeou o dia 25 de março como o Dia para se ler Tolkien.

Se desde então, essa é uma data especial, nada mais justo que levar um pouco de leitura para os jovens que pouco conhecem do cenário.

Contos Inacabados.

normal_fragmentos_narsil

De repente, quando o sol mergulhava nas nuvens, ouviram o horrendo clamor dos orcs e os viram sair da floresta e mover-se encostas abaixo, emitindo seus gritos de guerra. Naquela penumbra, podia-se apenas estimar quantos eram, mas evidentemente superavam em muito os dúnedain, até mesmo dez vezes. Isildur ordenou que se formasse um thangail [um muro de escudos com duas fileiras compactas que podiam ser dobradas para trás em ambas as extremidades caso fossem flanqueadas, até formarem, se necessário, um anel fechado]. Se o terreno fosse plano ou a encosta a seu favor, teria formado com sua companhia uma dírnaith e acometido os orcs, esperando poder, pela grande força dos dúnedain e de suas armas, cortar caminho através deles e dispersá-los atarantados; mas agora não era possível fazê-lo. Uma sombra de presságio abateu-se sobre seu coração.

– A vingança de Sauron continua viva, embora ele esteja morto – disse a Elendur, que estava ao seu lado. – Aqui há astúcia e propósito! Não temos esperança de auxílio: Moria e Lórien agora ficaram muito para trás, e Thranduil está quatro dias de marcha à frente.

– E trazemos cargas de valor incauculável – disse Elendur, pois era confidente d pai.

Agora os orcs se aproximavam. Isildur voltou-se para seu escudeiro: – Ohtar, agora confio isto à sua guarda – disse, entregando-lhe a grande bainha e os fragmentos de Narsil, a espada de Elendil. – Salve-o da captura por todos os meios que puder encontrar e a qualquer custo; até mesmo ao custo de ser considerado um covarde que me desertou. Leve seu companheiro consigo e fuja! Vá! Eu lhe ordeno! – Então Ohtar ajoelhou-se e lhe beijou a mão, e os dois jovens figuram, descendo ao vale escuro.

Isso explica o aparecimento de Narsil em Valfenda. Alguém certa vez me perguntou como ela teria sido recuperada, para ser reforjada. Aqui está a resposta.

Observação: esse texto não consta noa trilogia O Senhor dos Anéis. Ele foi lançado em forma de observação por Christopher Tolkien, filho de JRR Tolkien.

Anúncios

4 Respostas

  1. Foda!
    Tolkien, precisava de pelo menos mais uns 100 anos pra terminar toda sua obra. OU MAIS ! ehehe

  2. Creio que mais para terminar sua obra.. ou uma equipe que pensasse como ele hehe…

  3. Acabei de postar uma observação no final do texto sobre onde encontrar esse texto.

    Acho que ele terminaria em menos tempo. Sempre achei que ele era um pouco maulco. Tipo, ele realmente acretidava que na sua época estávamos na 5º era dos homens.

    Acho que, assim como o dicionário élfico, ele já devia ter tudo pronto em sua cabeça. Só lhe faltou tempo para colocar no papel.

    hehehe

  4. […] amigos que escrevem sobre RPG estão fazendo matérias comemorando o que seria hoje o dia de ler Tolkien. (Direitos reservados ao […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: